Saturday, November 11, 2006

"O Rapto das Sabinas" de Sarah A. Hoyt

Completando a ficção internacional incluída na Bang! #2, uma autora americana que viveu durante vários anos na área do Porto. Sarah Almeida Hoyt fala-nos de um mundo alternativo, mas de sentimentos totalmente reais.

[...] Leste ou Oeste, todas as mensagens diziam o mesmo, apenas os detalhes diferiam: loura de olhos azuis, avistada no Colorado; ruiva na Califórnia; mulher de olhos cinzentos em Seattle; mulher de cabelos encaracolados em Phoenix; rapariga negra atraente no Wyoming. Depois disso, os pormenores tornavam-se íntimos, às vezes de forma ridícula – idade aproximada, tiques, sotaque. Raramente estas mulheres davam um nome. Eram frequentemente acompanhadas por guarda-costas ou observadas por amantes possessivos e zelosos.
Então pessoas como eu tinham que segui-las através de marcas de beleza e piscadelas de olho e as descrições dos sorrisos.
Havia sempre algumas notas patéticas da parte de sonhadores que julgavam que seria fácil: Perdi a minha mulher no dia 27. De nome Mary Smith. Alguém a viu a Oeste?
Eu ignorava essas notas. Penso que toda a gente ignorava. Sabíamos que os sonhadores iriam ceder gradualmente à realidade e, desse modo, a aceitação ou a uma busca frenética.
Nos últimos cinco anos, tinha seguido por todo o país uma loura magra de trinta e cinco anos com óculos em todas as pausas, todas as férias, todos os fins-de-semana prolongados que conseguia obter do meu trabalho em Nova Iorque.
Ela fora avistada no que restava de Denver, e em Whichita e em Pueblo e, uma vez, em Houston. A única característica que a distinguia era a de um dente da frente lascado. Lindsay, a minha mulher, tinha-o lascado numa queda de bicicleta quando tinha sete anos. Nunca se dera ao trabalho de o arranjar. Era uma pequena lasca e embora uma pessoa tivesse que ficar a olhar para a poder ver, dava ao seu sorriso uma qualidade ligeiramente enternecedora e assimétrica.
Eu perseguia a descrição desse sorriso. [...]

6 Comments:

Blogger Ricardo said...

Já assinei a revista. Estou curioso para ler este último número. :-)

14/12/06 8:18 AM  
Anonymous Anonymous said...

como poderei adquirir esta revista sobre Sarah A Hoyt? Ja tive a oportunidade de ler alguns livros dela e gostei bastante.

Rui

22/12/06 10:59 AM  
Anonymous Anonymous said...

De facto e uma autora Portuguese residente ha muitos anos nos estados unidos. Eu nasci e cresci na area do Porto. Hoyt e o meu nome de casada. :)

Sarah Marques de Almeida Hoyt

27/12/06 11:15 AM  
Anonymous Anonymous said...

Great site

http://home-forclosure.eticketsontime.com home forclosure
http://beaded-bracelet.eurocarexpert.com beaded bracelet
http://bathroom-lighting.casinogamefactory.com bathroom lighting
http://chicago-single.casinogamefactory.com chicago single
http://silk-scarf.eurocarexpert.com silk scarf
http://diet-points.asapdeals.com diet points
http://garden-furniture.boulevardprivates.com garden furniture
http://chicago-florist.kisswings.com chicago florist
http://tote-bag.eurocarexpert.com tote bag
http://cpa-course.lysog.info cpa course
http://folding-table.lysog.info folding table
http://replica-handbag.lysog.info replica handbag
http://altima-nissan.lysog.info altima nissan
http://gym-bag.malig.info gym bag
http://adhd-treatment.malig.info adhd treatment

Thanks.

22/1/07 11:15 PM  
Blogger Camarada Choco said...

Divulgação

Um Blog ,dois livros!

www.camaradachoco.blogspot.com

“Camarada Choco”

e

“Camarada Choco 2”
António Miguel Brochado de Miranda
Papiro Editora

Papelaria “Bulhosa” Oeiras Parque, Papelarias “Bulhosa”, FNAC ou www.livrosnet.com

Tema: Haverá uma fronteira entre os Aparafusados e os Desaparafusados?"

Filmes de Apresentação no “Youtube” em “Camarada Choco”

1/1/08 11:07 AM  
Anonymous Anonymous said...

Love the post I stumbled it

7/9/10 6:43 PM  

Post a Comment

<< Home